08/11/2018 às 07h11

TST: dispensa de empregado com diagnóstico de “depressão” não é discriminatória

Por Equipe Editorial

Só é considerada nula quando for motivada por preconceitos de raça, sexo, cor, idade, origem ou nos casos de doença grave que suscite estigma ou preconceito.