17/11/2014 às 05h11

Quando empresa possuir bens ex-sócio não responde por dívida, julga TST

Por Equipe Editorial

O reconhecimento da responsabilidade patrimonial do ex-sócio justifica-se apenas quando resultarem infrutíferas as tentativas de encontrar bens efetivos da empresa executada